Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Catedral de Barcelona’

Barcelona está localizado em: EspanhaBARCELONA

https://i2.wp.com/upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/3/3c/Skyscrapers_in_Diagonal_Mar%2C_Barcelona.jpg

É a segunda maior cidade da Espanha, após Madri. Possui uma população de cerca de 1 621 537 habitantes e uma área de 101,4 km². A área urbana de Barcelona, porém, se estende além dos limites administrativos da cidade e abriga uma po Paris, Londres, Vale do Ruhr, madri e Milão. Cerca de 5 milhões de pessoas vivem na área metropolitana de Barcelona.

É a maior metrópole da Europa dentre as localizadas na costa do mediterrâneo.  Barcelona está localizada na costa do Mediterrâneo, entre a foz do  Rio Llobregat e a foz do Rio Besòs  limitada a oeste pela Serra de Collserola (512 metros de altitude), cerca de 160 quilômetros ao sul das montanhas dos Pirineus.

Barcelona foi, historicamente, uma cidade muito ligada à indústria. Foi a primeira cidade em Espanha a acolher a Revolução Industrial e, apesar   de ter enfrentado algumas crises econômicas, é hoje o maior centro industrial do país.

O porto de Barcelona converteu-se, nos últimos anos, no mais importante do Mediterrâneo em tonelagem de mercadorias e contentores. Também é o primeiro porto mediterrânico em número de cruzeiros que fazem escala na cidade.

Importante centro de cultura, economia e política, Barcelona é uma referência não só dentro de Espanha como também no contexto da União européia. Barcelona oferece ao visitante a possibilidade de percorrer a pé desde as ruínas romanas e a cidade medieval até os bairros do modernismo catalão, com seus edifícios característicos, suas ruas arborizadas e suas largas avenidas. A cidade antiga é praticamente plana, enquanto que os bairros novos, à medida que se aproximam da Serra de Collserola, ganham um aspecto montanhoso.Centro e La Rambla – Um dos lugares mais frequentados de Barcelona é a Rambla,  uma passarela situada entre a Praça da Catalunha (Plaça de Catalunya) e o antigo porto de Barcelona (Port Vell). Ali, são encontradas quiosques de flores, cafeterias, restaurantes e lojas comerciais. Passeando pela Rambla, podem-se admirar vários edifícios de interesse, como o Palácio da Vice-rainha (Palau de la Virreina), o mercado da Boqueria e o famoso teatro Grande Teatro do Liceu.  Uma rua lateral à Rambla conduz à Praça Real (Plaça Reial): uma praça com palmeiras, edifícios, cervejarias, restaurantes  e posts desenhados por Antoni Gaudí.

A Rambla termina junto ao porto antigo, onde o  Monumento a Colombo, aponta para o mar. Próximo dali, se encontra o Museu Marítimo de Barcelona (Museu Marítim de Barcelona), dedicado sobretudo à história naval do Mediterrâneo e no qual se exibe a reprodução em escala real de uma antiga galera de combate. O porto antigo oferece outros atrativos, como o Mare Magnum: um centro comercial com lojas, restaurantes, um cinema IMAX  e um aquário da fauna marinha mediterrânea.

O Centro ainda é composto pelo Bairro Gótico,  que conserva a arquitetura típica da Baixa Idade Média. Fora as obras modernistas, Barcelona também conta com relevantes obras pertencentes a outros estilos e períodos históricos. Dentro do período medieval destacam-se especialmente as obra góticas que proliferam em seu centro histórico, precisamente denominado Bairro Gótico como a Catedral de Barcelona. Nesse mesmo estilo, encontra-se ainda a Igreja de Santa Maria do Mar.   caracterizada por sua austeridade e harmonia nas medidas.

Templo Expiatório da Sagrada Família

Barcelona é conhecida como capital do modernismo catalão.  A cidade, na qual viveu e trabalhou o arquiteto Antônio Gaudí,   conta com algumas de suas obras mais relevantes, que atraem a cada ano milhões de visitantes de todo mundo. A mais representativa é oTemplo Expiatório da Sagrada Família , que Gaudí deixou inacabado e que segue sendo construído lentamente, com término previsto para até 2020.

Outras das obras mais conhecidas de Gaudí são o Parque Guell  (Parc Güell), a Casa Milà  , também chamada de La Pedrera e a casa Batlló.  Além de Gaudí, Barcelona conta com outras jóias do modernismo catalão, como o  Hospital de Sant Pau e o Palácio da Música Catalã  de Liuuís Domé nechi i Montaner, ou o Palácio Macaya e muitas outras obras de de Josep Puig i Cadafalch.

Entrada do Parque Güell.

Também possui distintas amostras de arquitetura contemporânea. Destacando-se o  Pavilhão Alemão de  Ludwig Mies Van der Rohe, que foi construído para a  Exposição Universal de Barcelona de 1929, assim como assim como a  Fundação Joan Miró  do arquiteto catalão Josep Lliís Sert.  Anos mais tarde, por ocasião  dos Jogos Olímpicos de 1992,   a cidade viveu uma etapa de grandes transformações que deram lugar a obras como o Palácio de Esportes São Jordi de Arata Isozaki, a Torre de Collserola de Norman Foster e a Torre de Montjuïc de Santiago Calatrava. Na etapa pós-olímpica, a cidade seguiu mantendo seu desenvolvimento arquitetônico, construindo edifícios como o Museu de Arte Contemporânea de Barcelona.

Montjuic e Tibidabo

Duas montanhas dominam a cidade convertidas em miradores. O Montjuic é um pequeno monte situado junto ao porto, em cuja topo encontra-se uma antiga fortaleza militar que serviu para vigiar a entrada de Barcelona pelo mar. Nesta montanha encontra-se ainda as instalações olímpicas, como o  Estádio Olímpico Lluís Companys, O Palácio Sant Jordi e as Piscinas Picornell. Também pode ser visto em Montjuic o jardim botânico, que dispõe de uma coleção única de cactus.  O Tibidabo,  na parte alta da cidade é a outra montanha de Barcelona. No Tibidabo, encontram-se a Igreja do Sagrado Coração, Parque de Atração de Tibidabo e a Torre Collserola  que dispõe de um mirador.

Tem mais fotos para postar, o que farei em breve .  Aguardem

Read Full Post »